Profissionais da Vigilância Sanitária fizeram medição de temperatura de todos os passageiros, nenhum apresentava sintoma respiratório

A Prefeitura de Florianópolis, realizou na tarde desta quarta-feira (20), uma barreira sanitária em carros com placas de São Paulo, na Beira-mar Norte, sentido Centro/bairro. Foram abordados 151 veículos com placas de São Paulo, e desse total, 29 estavam chegando para trabalho ou turismo em Florianópolis. Dentre os abordados, 47 passageiros preencheram termos de isolamento domiciliar.

Do total, 122 comprovaram que residem na Capital, embora tivessem placa de outro estado. Todos os passageiros tiveram sua temperatura verificada e nenhum apresentou febre ou sintomas respiratórios.

A barreira foi mais uma medida para evitar uma possível disseminação do novo coronavírus dado o feriado em São Paulo e vão continuar até este domingo (24), nas principais vias da cidade. Participaram da ação, Vigilância Sanitária de Florianópolis, Guarda Municipal de Florianópolis, Polícia Militar e Polícia Civil.

Como funciona a barreira

Os carros com placa de São Paulo estão sendo parados na barreira. Então, é feita medição de temperatura e entregue o formulário de restrição domiciliar. Os passageiros precisam se identificar, colocar endereço, telefone, CPF, e preencher a declaração de que não são sintomáticos e que devem ficar 7 dias em restrição em domicílio. Não podem transitar pela cidade, devem sair apenas para atividades essenciais e que não dê pra ser feita remotamente ou por terceiros.

Aqueles que tem algum sintoma como tosse, falta de ar, febre, obstrução nasal, devem preencher. O formulário é o mesmo que já é feito no aeroporto. Esses sintomáticos ficam 14 dias, e conforme avaliação da equipe e se houver tempo da estadia na cidade, eles podem ser testados. O ideal é que retornem para sua cidade e procurem o serviço de saúde de lá e façam o isolamento e acompanhamento.

Aeroporto

No Aeroporto Internacional de Florianópolis, Hercílio Luz, também é realizada verificação da temperatura dos passageiros desde o dia 21 de março. O local é o primeiro Aeroporto do país a realizar testes rápidos para o novo coronavírus. A testagem é feita por profissionais da Prefeitura e testes adquiridos pela administração municipal.

LEIA AQUI O DECRETO Nº21.593 DE 20.5.2020