Que pena que eu tenho das mulheres de Atenas e de Helena meu grande amor das mulheres que caminham 9 km por um balde de água no nordeste do Brasil saudade eu tenho …mais o que farei eu pobre Menelau.

O que já foi o maior dos espartanos em um guerra de mais de 10 anos, um dia Helena deu no pé com tal de Heitor se tornando na real Maria bonita dando origem ao tão temido lampião pouco importa se você mora, em um palácio ou se és um plepeu de um curtiso, grego qualquer ou dos confins da Paraíba a dor.

Veio para todos seja você da direita ou torto mais eu sinto saudades das mulheres de Atenas que por amor se doam a sangue friu por seus filhos, minha mãe era uma delas em plena geração coca cola teve pulso firma e infrentou as barras.

Mais passadas que você possa imaginar mais não deixou que a geração dela se tornasse uma geração Nutela está aí que está em plena ação estes sem esperança, sem força de vontade, que Deus nos proteja desta geração Nutela apocalíptica que derivou da geração coca cola que fracassou junto com os caras pintadas aqueles que juraram largar a escola e dessacreditar de Deus.

Este mundo certamente está mudando e nosso futuro é inserto temo pelos nossos jovens demo pelos nossos líderes, eles discutem pelos galhos sendo que o eterno problemas está no tronco o planeta se sacode como um cão sarnento Deus, olha tudo.

Deus vê tudo, estamos no dia 20 de dezembro de 2020 e tudo aconteceu e ao mesmo tempo nada aconteceu alguma coisa acontece alguma coisa tem que acontecer eu Menelau o grande espartano de Curitiba a terra dos pinheirais continua tendo esperança.

Escrevo a força as vezes coisas fantasiosas mais intendo que onde esteja Helena é melhor que não seja aqui o futuro espartano, a Deus pertence nada tenho nós bolsos, além de alguns dólares nada me tira da cabeça que tudo vai mudar …