É preciso ter alguns cuidados que devem ser tomados pela população após períodos de grandes chuvas. Os cuidados são direcionados para pessoas que foram atingidas por águas e/ou lama dentro das suas residências.

Os serviços de saúde estão em alerta para o risco de aparecimento de casos de leptospirose, acidentes com animais peçonhentos e doenças respiratórias nas próximas semanas.

Como evitar leptospirose:

• Evitar entrar em áreas alagadas ou com acúmulo de lama;
• Caso seja extremamente necessário, que seja pelo menor tempo possível, utilizando roupas de tecido grosso ou impermeável, botas e luvas;
• Realizar a desinfecção do domicílio após as enchentes;
• Lavar e desinfetar os objetos que tiveram contato com as águas da enchente.
• Retirar todo o lixo da casa e do quintal e colocar para a limpeza pública;

A administração municipal orienta que as casas e outros ambientes devem ser lavados com solução de água sanitária (1 copo de 200ml de água sanitária para cada balde d’água de 20 l). Deve-se realizar também a limpeza de reservatórios domésticos de água, mesmo que não atingida diretamente, a caixa d’água. O local pode ser contaminado após enchentes, pois possíveis vazamentos na rede de distribuição podem permitir a entrada de água contaminada.

É preciso ainda se atentar a outras medidas em relação à água contaminada:

• Esvaziar a caixa-d’água completamente e lavá-la esfregando bem as paredes e o fundo, retirando toda a sujeira. Devem ser utilizadas luvas e botas para realizar a limpeza;
• Após a limpeza, adicionar 1 litro de água sanitária para cada 1000 litros de água do reservatório;
• Encher a caixa com água limpa;
• Após 30min, abrir todas as torneiras da casa por alguns segundos, para que a água clorada penetre na tubulação e fechar novamente;
• Deixar esta solução agir na caixa d’água e tubulações por 1h30. Após este período é possível abrir as torneiras, podendo utilizar a água para a limpa da residência.

Como evitar acidentes com animais peçonhentos

• Evite entrar em locais alagados. Se extremamente necessário, usar roupas grossas, luvas e botas de borracha.
• Ao voltar para casa, entre com cuidado, inspecionando todos os lugares, verificando a presença de animais peçonhentos;
• Sacuda roupas, sapatos, toalhas, lençóis e bata os colchões antes do uso.
• NÃO coloque as mãos em buracos ou frestas. Utilize ferramentas (como enxadas, cabos de vassoura e pedaços de madeira compridos) para mexer em móveis.
• NÃO ande descalço! Limpe o interior e os arredores da casa tomando sempre o cuidado de utilizar botas ou calçados rígidos, com perneira, tendo a certeza de proteção pelo menos até o joelho.
• Durante a limpeza, tome cuidado ao tocar ou pegar qualquer objeto. Fique atento (a) para a presença de serpentes, escorpiões, aranhas e outros animais peçonhentos nas superfícies ou nos cantos. LEMBRE-SE: serpentes, aranhas e escorpiões podem estar em qualquer parte da casa, principalmente em lugares escuros.
• Caso detecte a presença de algum animal peçonhento dentro de sua residência, afaste-se lentamente (sem assustá-lo) e entre em contato com a autoridade competente.
• Não toque em animais peçonhentos, nem nos que pareçam estarem mortos.

Em caso de acidente com animal peçonhento algumas medidas devem ser tomadas:

• Identifique o animal acima e ligue para o CIATox/SC. 0800 643 5252 (plantão 24h). Guarde o animal (mesmo que estiver morto) para que seja feita identificação.
•Siga as instruções do plantonista do CIATox/SC, pois para cada situação serão aconselhadas as medidas ou encaminhamentos que você deverá tomar.
•Lavar o local da picada somente com água e sabão.
•Manter o acidentado em repouso. Se a picada tiver ocorrido no pé ou na perna, procurar manter a parte atingida em posição horizontal, evitando que o acidentado ande ou corra.
•Dar água para a vítima beber, desde que seja consciente.
•Levar o acidentado o mais rapidamente possível a um serviço de saúde.