Matias German: – Não fique parada, entre!

Ayala: – Obrigada.

Estando na sala, Juan Pablo beija Ayala.

Juan Pablo: – Como foi a noite?

Ayala: – Boa, e a sua?

Juan Pablo: – Pensando em você.

Matias German: – Avançaram no estágio! Sarcástico.

Ayala: – Seu irmão é sempre desse jeito?

Matias German: – As vezes!

Juan Pablo: – Vamos nessa!

Então eles foram trabalhar juntos. Os dois estavam realmente em um estágio mais avançado de um relacionamento.

Juan Pablo: – Acho que já está na hora de te pedir…Interrompido.

Ayala: – Pedi o que?

Juan Pablo: – Eu te amo Ayala.

Ayala: – Eu também te amo, Juan!

Juan colocou o colar em Ayala.

Ayala: – Que lindo!

Juan Pablo: – Era da minha mãe! Você quer namorar comigo?

Ayala: – É o que mais desejo.

Os dois se abraçam, os lábios se colam um no outro. Mas algo acontece. Um dos visitantes que se encontrava lendo um livro na última mesa do canto, próximo a janela, sem querer se fere com a ponta do grampo a qual segurava o seu cabelo. O sangue humano despertou um forte odor pelos sentidos de Juan. Seus olhos, não estavam sendo controlados, a devastação o fazia querer se alimentar da moça ferida. Quando Ayla olhou para ele, viu os olhos vermelhos e os dentes à mostra.

Ayala: – Juan, seus olhos! O que é isso?

Juan Pablo saiu correndo para evitar que as coisas se complicassem. Devastada, confusa, Ayla começa a lembrar de como aquela mulher no estacionamento, e mais, mordidas no pescoço. Então vai até uma das estantes, e encontra um livro chamado: “A MALDIÇÃO DA NOITE”. E começa a ler sobre lendas de vampirismo. Um dos capítulos chamou a atenção: “ESCURIDÃO EM LOBOS”.   

Havia entendido quem era seu namorado!