Circula, em grupos de aplicativos de mensagens, e em perfis em redes sociais vídeos de um homem que teria feito pichações em estruturas de obras localizadas no bairro do Campeche, em Florianópolis nesta quarta-feira, 14 de abril. Em um dos vídeos, a pessoa se identifica e diz que é “professor universitário aposentado”. Em outro vídeo, o autor da imagem relata a situação e diz que o homem abordado é “professor da UFSC, aposentado”.

A informação não procede. A Universidade Federal de Santa Catarina esclarece que não faz parte do seu corpo docente, ativo ou aposentado, o homem observado nas imagens.

Uso indevido de imagens

A imagem do professor André Báfica, do Departamento de Departamento de Microbiologia, Imunologia e Parasitologia do Centro de Ciências Biológicas (MIP/CCB) foi erroneamente atribuída à postagem relativa ao caso nas redes sociais e no site do ND+, coluna do jornalista Moacir Pereira. A publicação foi posteriormente retratada.