Capítulo 6: O QUE SENTIMOS?

Penúltimo Capítulo

No dia seguinte…Matias German está dentro de seu carro, pronto para partir, quando Ayala aparece.

Ayala: -Bom dia!

Matias German: -Bom dia Ayala!

Ayla: -Tome cuidado! Sendo delicada e preocupada.

Matias German: -Se estar preocupada com o que houve, saiba de uma coisa…

Ayala: -O que ?

Matias German: -Você não faz o meu tipo. Sorriu ironicamente.

Ayala: -Você, sendo você!

Matias German: -É!

Ayala: -Tchau, me devolve o Juan!

Matias German: -Claro! E vou cobrar vocẽ por isso!

Então, partiu rumo a França, no intuito de encontrar Juan. No decorrer da viagem, Matias não consegue esquecer o rosto de Ayala. Dentro de si, sabia não ser certo se apaixonar pela namorada de seu irmão, mas a culpa às vezes o consumia, as vezes não existia, quando não permitia amar ninguém além de si e de Juan, sangue de seu sangue, embora não admitisse isso. 

A raiva e o ódio pela morte de Ayelén, o fato de ela ter se apaixonado por Juan em 1903, não o deixava perdoar. Contudo, se importava com a sua família, e no vampiro a qual Juan Pablo se tornará, bom e incapaz de ser como ele, sim, o oposto de tudo. Matias tinha impulsos dos quais não desejava, e isso só aumenta quando se é uma criatura da noite. 

Aprendera a controlar alguns sentimentos, e até a sua sede, mas ainda assim, não media as consequência de seus atos. Com Juan, sempre foi diferente. Carinhoso, pensava antes de agir, amava com intensidade, ao ponto de ter conflitos ao extremo, e sendo um vampiro, mais ainda, pois tudo se intensifica. 

NA BIBLIOTECA

Ayala estava trabalhando, entretanto, sua mente vagava entre duas pessoas: Matias e Juan. Não sabia o motivo, porém, amava Juan como nunca, por outro lado, o toque de Matias, a fizeram ser questionável, e agora, começa a se perguntar no rumo a qual a sua vida levou após a morte dos pais. Respirou, e continuou a organização dos livros. De repente, um homem alto, cabelos ruivos e olhos verdes, surgiu na sua frente. Era o original.

Ian: – Oi, Eu sou Ian! Sorriu com perigosas intenções.

Definitivamente, o perigo chegou!

Ajude! O Portal Folha de Florianópolis, fazendo uma Doação de qualquer valor. Dados para doação é (Banco do Brasil – Agência 1453-2, Conta-poupança 23.516-4).

*Tá gostando das noticias? convite outras pessoas para ler; as notícias do Portal Folha de Florianópolis. Apresente o endereço “www.folhadeflorianopolis.com.br”, nos ajude alcança mas leitores.