Os vereadores de São José na grande Florianópolis, aprovaram na tarde desta segunda-feira (9), moção de apelo ao governador Carlos Moisés e ao secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, para que seja reaberta a Emergência Pediátrica do Hospital Regional. Ação busca reforçar o apelo feito na semana passada pela presidente da Casa, vereadora Méri Hang, e pelo prefeito municipal, Orvino Coelho de Ávila, em reunião com Ribeiro.

O pedido tem como justificativa a redução da pressão por leitos de UTI para o tratamento da Covid-19 na Grande Florianópolis.
“Agora, o pior já passou, a vida começa a voltar ao normal e a população da Grande Florianópolis pede a reabertura da emergência pediátrica no Hospital Regional de São José. Há o atendimento pediátrico nas UBS – Unidades Básicas de Saúde dos municípios, mas o horário de atendimento não é integral e geralmente há apenas um pediatra lotado no quadro e nem sempre tem experiência em atendimento emergencial”, justificou o vereador Cleber Fabiano Goulart (PSD), autor da moção aprovada por unanimidade.


Segundo a Sociedade Catarinense de Pediatria, na Emergência Infantil do Hospital Regional eram atendidas, antes da pandemia, em média de 3 mil a 5 mil crianças e adolescentes por mês, de diferentes cidades da Grande Florianópolis. Somente em 2019, foram atendidas mais de 50 mil emergências e casos graves como acidentes, queimaduras, paradas cardiorrespiratórias, convulsões e politraumatismos. O local também é referência para atendimento de crianças e adolescentes vítimas de abusos. A intenção original do Estado, em julho de 2020, era fechar a emergência por apenas 90 dias. O atendimento deveria ser transferido para Upas e outros hospitais.