O “print” da tela de videoconferência não deixa dúvida ao mostrar a expressão de satisfação e alívio das partes em virtude do acordo alcançado na audiência realizada na última terça-feira (31/8) pela Vara Única da comarca de Mondaí, no extremo-oeste do Estado.

As partes estavam no continente europeu, mais precisamente no Reino da Dinamarca, a 9.664 quilômetros, e os advogados em Itapiranga. O processo que tramita há dois anos poderia demorar mais um bom tempo para ser resolvido, já que, em outra época, dependeria da presença física de todos os envolvidos.

A ferramenta utilizada foi o sistema PJSC-Conecta, disponibilizado gratuitamente pelo Poder Judiciário de Santa Catarina. Cada participante recebeu link específico para acessar a videoaudiência na data e horário marcados. Para tanto, bastou estar conectado à internet, via celular ou computador. O processo era da área de família.

“A participação das partes era indispensável, pois seriam tomados seus depoimentos pessoais. Assim, a ferramenta PJSC-Conecta foi essencial para a realização do ato mesmo com tantos atores processuais em locais diferentes. A solenidade transcorreu normalmente, e ao final foi obtido acordo, pelo qual parabenizo as partes e os advogados”, explica o juiz Raul Bertani de Campos, que conduziu a audiência. O magistrado homologou o acordo e, assim, o documento tem a mesma validade legal do que uma audiência presencial.