Ayala agora é uma vampira, e tem o amor de Juan Pablo, porém, Matias German sente o mesmo por ela, e revelará o que sente. Chega na Cidade uma mulher, a qual vai mudar o rumo da história. Precisando abrir o medalhão, o Original vai em busca da feiticeira.

Capítulo 7: PARA UM BEM MAIOR

Último Capítulo

A REUNIÃO E A DECLARAÇÃO

Ayala: -Pode nos contar?

Sibila: -Como eu havia lhes dito, um dos caçadores se apaixonou por uma loba, e como consequência, todos os doze foram mortos por um feitiço que retirou seus corações, e seus corpos foram lançados ao mundo paralelo. Bem, a lança é a mãe do caçador, e o símbolo ancestral, está dentro do medalhão. 

Juan Pablo: -Não estou entendendo? -Estava confuso.

Ian: -Os medalhões dos doze, é a imortalidade a qual lhes foram dadas: o sangue de cada um dos caçadores misturados.

Sibila: -Os doze foram escolhidos, por um simples fato. -Deu um breve suspiro. – As doze horas de luz e de escuridão que aconteceu no dia em que os caçadores foram extintos.

Matias German: -E suponhamos que no meio disso, está o mundo paralelo. – Disse dando risada.

Juan Pablo: – Não tem graça irmão, supondo que na noite das mordidas a qual deixaste naquela mulher no estacionamento, serviu de lição para seu auto controle. – Com um sorriso bem leve, e ao mesmo tempo, ironizando. 

Matias German: – Sem graça. – Pegando uma bebida para tomar.

Sibila: – Matias está certo.

Matias German: – Fala Sério?

Ayala: – Precisaremos de ajuda.

Ian: – De quem?

Sibila: – Lobisomens e dos mestiços.

Juan Pablo: -Temos que estar a um passo à frente.

Matias German: – Como matamos então?

Sibila: -A mãe vai fazer isso, mordendo-o, e com feitiço, eu posso quebrar o medalhão. 

Matias German: – Que comecem os jogos. – Tomando o último gole de sua bebida, um vinho de 1958.

Matias chama Ayala para fora da residência.

Ayala: -O que foi? -Preocupada com a atitude de Matias.

Matias German: -Não posso mais esconder de você.

Ayala: – Esconder o que? É algo sobre Juan?

Matias German: – Não, é sobre mim.

Ayala: -Não estou compreendendo.

Matias German: -Eu me apaixonei por você.

Ayaa: -Está bêbado, ou isso é uma brincadeira? -Estava irritada,

Matias German: -Gostaria que soubesse. Sei de seu amor por meu irmão, mas eu te amo de verdade. Desde a sua vinda aqui em casa, pela primeira vez.- Matias estava sendo sincero quanto aos seus sentimentos. Seus olhos fitavam os de Ayala.  

FIM.