Penetras o meu mundo…
E vens a contemplar meu ser
De maneira feliz e graciosa,
Como se estivesse querendo dormir.

Nisso tudo, costumas construir
O seu pequeno universos
Com flores e harmonias,
Por causa dos teus mistérios.

 

AGRACIADO
Agraciado meu Deus estou,
Pois sua força me dá o sustento
Na caminhada pela via da vida.
E como é bom saber do teu amor!

Um amor tão grande que,
Foi capaz de morrer por minhas falhas
Adoro-te no Sacramento da Palavra,
E no encantamento da sublime Eucaristia.