Ricardo Oliveira

Encontro – me com os teus olhos,
Dos quais são intensos aos meus versos,
Cujo sentido me faz permanecer em ti,
Desvelando todos os segredos.

Entretanto, o sol nascente
Esquenta o meu coração,
Ao ponto de conhecer
As palavras feitas de canduras.

Nisso, desconheço a extremidade do amor,
Convencendo-me a desejar profundamente
Os encantos de um dia de verão,
No qual o mar vem a ser meu tesouro.

Apesar de todas as vontades,
Não me é possível ceder a elas,
Pois não seria de certa forma prudente,

Mas um espaço para que aja o inevitável…